Os 5 Alimentos mais Nutritivos para Bebês | Pediu Bebê

Os 5 Alimentos mais Nutritivos para Bebês

Publicado: 20/06/2018

Nessa matéria, apresentamos alguns dos melhores alimentos que podem ser utilizados na preparação das receitas de papinhas.

Lembramos que o leite materno ainda é o alimento mais nutritivo para os bebês, porém, após os seis meses de vida, a Sociedade Brasileira de Pediatria recomenda a introdução de alimentos sólidos.
Toda alteração na alimentação de seu bebê deve ser previamente comunicada ao pediatra.

Confira a nossa categoria de alimentação.

Abacate

O abacate é uma das melhores fontes de gorduras insaturadas, e possui uma composição muito similar a gordura do leite materno.


As gorduras insaturadas são o tipo de “gordura boa”, necessárias para o desenvolvimento saudável do cérebro e para metabolização das vitaminas liposolúveis.

A polpa do abacate é rica em vitaminas A, B 1, B 2, E, lecitina, tanino e ácido oléico, linoléico e palmítico.

 

Batata doce

Outro alimento incrivelmente nutritivo para a alimentação de seu bebê é a batata doce.

Ela é rica em betacaroteno, uma fonte importantíssima de vitamina A, por isso é considerada um dos alimentos mais nutritivos para bebês.

 

Por sua característica de carboidrato complexo, ela também contribui para que a glicose do bebê fique estabilizada, evitando picos.

 

E como se não bastasse, ela ainda colabora com a saúde da pele, ajudando a proteger contra infecções.

 

Brócolis

De todos os alimentos que falamos até agora, o brócolis é um dos mais ricos em sais minerais, ácido fólico, cálcio e vitamina C.

 

Além de ser nutricionalmente rico, o brócolis é uma alimento de fácil preparo e possui boa aceitação no período de introdução alimentar.

 

A polêmica carne

Além da questão ética, que é óbvia, muitos estudos mostram que seu consumo não é adequado para humanos, no entanto, vivemos em um país predominantemente carnívoro e isto gera um grande choque cultural.

 

Enquanto alguns profissionais dizem que o uso de carne na alimentação dos bebês é extremamente benéfico, outros não recomendam nenhum tipo de carne, ou qualquer outro alimento de origem animal, inclusive o leite de vaca, que além de ser completamente alterado no processo de industrialização, é uma alimento destinado para bezerros, não para bebês.

 

Por serem fontes de proteínas, muitos profissionais recomendam a carne, no entanto, existem proteínas de fontes vegetais que são melhores, possuindo maior facilidade de digestão e com maior biodisponibilidade (percentual de aproveitamento pelo organismo), e de quebra você ainda evita o risco de dar papelão para seu bebê comer. 

Abaixo listamos 2 alimentos que são fontes excelentes de proteína vegetal, e podem substituir a carne perfeitamente.

 

Moringa da Paz e Ora-pró-nobis

São alimentos que possuem um alto valor nutritivo, com forte presença de proteínas, vitaminas e sais minerais.

 Para se ter uma idéia, a Moringa possui mais cálcio que o leite de vaca e é mais rica em ferro do que o espinafre, e a Ora-pró-nobis possui 25% de proteína em sua composição, possuindo também uma ótima quantidade de aminoácidos, como lisina e o triptofano, e como se não bastasse possui 4 vezes mais vitamina C do que a laranja.

 

Você encontra a moringa e o ora-pró-nobis na internet, em zonas cerealistas e casas de produtos naturais.

Antes de incluir qualquer alimento na dieta de seu bebê, converse com seu pediatra.

 

Lentilhas

O último alimento de nossa lista é a lentilha, sendo este um dos alimentos mais interessantes e também mais baratos que você pode servir ao seu bebê.

 Elas são fáceis de preparar, aceitam diversas combinações de tempero, e contam com uma grande variedade de nutrientes, tais como:

 

·         Proteína, fibras, sódio, cálcio, potássio, vitaminas A, B e C.

Sem dúvida ela é uma ótima opção para papinha, e com certeza vai ajudar a garantir o sucesso na hora de iniciar a fase sólida da alimentação de seu filho.

 

Atenção

Para evitar contaminantes e garantir a qualidade máxima de suas receitas, alguns detalhes são super importantes:

 

·         Escolha uma panela que não libere nenhum metal pesado.

·         Utilize potes livres de BPA.

·         Se for armazenar ou congelar as papinhas, é importante que faça da forma correta para evitar a perda dos nutrientes.

·         Escolha os temperos ideais.

·         Se possível compre alimentos orgânicos, ou utilize uma técnica simples, que ensinamos no Manual das Papinhas, que remove completamente os agrotóxicos.

 

FONTE: O MANUAL DAS PAPINHAS

Voltar